READING

Jim Farley, CEO da Ford, vai para a Harley-Davidso...

Jim Farley, CEO da Ford, vai para a Harley-Davidson

Entenda o provável ingresso do Diretor Executivo da Ford na gigante das motocicletas, além do processo de mudanças em ambas as empresas

A Harley-Davidson anunciou recentemente uma nomeação para o seu Conselho Administrativo: Jim Farley. Para quem o desconhece pelo nome, trata-se do Presidente da Ford, que, inclusive, já aceitou a proposta. 

O que falta para o seu ingresso oficial na marca de motocicletas é uma votação, a qual acontecerá na próxima reunião entre os acionistas atuais, prevista para o dia 20 de maio. Vale ressaltar que o executivo foi a única indicação até agora e sua entrada na Harley tende a ser efetivada.

Embora tenha se tornado CEO da Ford em outubro do ano passado e trabalhar com carros há anos, Jim Farley também é amante das duas rodas. Ele possui duas clássicas Harley-Davidson em sua garagem – uma 1939 EL Knucklehead e uma 1942 WLA, originalmente da Marinha, que restaurou por conta própria. 

Mas, houve outros motivos que também levaram à aproximação entre a Harley e o líder da Ford. Nos últimos anos, as duas marcas apresentaram grandes projetos de veículos elétricos e estão investindo uma alta gama de recursos para o desenvolvimento de mais modelos com esse cunho sustentável.  

Em setembro de 2019, a Harley-Davidson anunciou sua primeira motocicleta completamente elétrica, a LiveWire. Meses depois, a Ford introduziu o SUV elétrico Mustang Mach-E. Embora questionados pelos clientes mais tradicionais, os anúncios foram muito elogiados pela crítica.

Atualmente, a moto LiveWire, por exemplo, já tende a perder seu holofote para o novo projeto de modelo elétrico da Triumph, que está em sua fase final de elaboração. 

Dessa forma, a aproximação – por meio da entrada de Farley – entre as empresas em pauta pode beneficiar os dois lados, tanto o automotivo quanto o das motos. Esse processo de modernização e eletrificação é, com certeza, necessário para se adaptar ao mercado, em constante transformação. Torna-se o que podemos esperar das duas fabricantes no futuro.

Em depoimento ao Detroit Free Press, um jornal estadunidense, Jim Farley afirma: “Também é bom para a Ford, outra chance para aprendermos com um dos melhores. Esta (Harley-Davidson) é uma marca americana lendária com uma orgulhosa história global e valores duradouros. Assim como a Ford, eles agora querem transformar a maneira como as pessoas se movem, incluindo novos clientes – por meio de relacionamentos constantes, novas tecnologias e produtos e serviços essenciais.”


RELATED POST

INSTAGRAM
SAIBA MAIS SOBRE