READING

Família Streetfighter V4: Ducati lança versão “SP”...

Família Streetfighter V4: Ducati lança versão “SP”

Nova motocicleta deve ser semelhante a Panigale V4 SP

Com o registro na Agência de Proteção Ambiental dos EUA, tornou-se público a produção de mais uma versão da linha Streetfigther V4 pela Ducati. Ao lado da V4 e V4S, a Streetfighter V4 SP pode chegar às lojas ainda em 2021. Apesar do mesmo motor, algumas alterações devem ser feitas para tornar a motocicleta mais competitiva. 

A primeira moto a usar o termo ‘SP’ –  Produção Esportiva – foi a Ducati 851. A sigla é usada para caracterizar motocicletas com especificações técnicas que permitem um desempenho mais rápido e preciso.

O último modelo a ganhar as letras no nome foi a Panigale V4 SP. Suas configurações podem fornecer uma boa pista nas alterações que serão feitas na nova Streetfighter. No entanto, o motor será o mesmo empregado nas demais motos da linha – o Desmosedici Stradale, com 208 cv de potência, 12,5 kgf.m de torque a 11.500 giros.

As rodas de fibra de carbono são 3 quilos mais leves que as de alumínio forjado, segundo a Ducati, e estão presentes na Panigale SP. A Streetfighter V4 S já utiliza rodas de três raios similares a Panigale, um bom indício que a irmã mais nova será equipada com as de carbono.

Ademais, mais equipamentos e acessórios de fibra de carbono podem ser esperados. Nas pedaleiras, o material utilizado deve ser a liga de alumínio anodizado. 

Além de rodas especiais, a Panigale também possui pinças de freio dianteiras Brembo Stylema S. O sistema é derivado de motos de corrida, os pistões possibilitam o resfriamento do fluido e, consequentemente, um desempenho melhor. Por se tratar de um componente condizente com a linha SP, também pode estar presente na nova Streetfighter V4.Outro destaque é o cilindro mestre radial Brembo 19.21 MCS, que permite um ajuste na distância da alavanca de freio e uma experiência personalizada para o piloto. 

A presença da embreagem seca STM EVO-SBK confere mais esportividade a Panigale V4 SP. Com ela, é possível trocar as molas secundárias por outras mais firmes, conforme a necessidade de cada pista, o que evita desgastes desnecessários. 

Família Streetfighter

Não é novidade a reutilização dos equipamentos da Panigale dentro da família. A Ducati Streetfighter V4 foi o segundo modelo a ser equipado com o propulsor V4 – depois da Panigale. 

Para o ano de 2021, a Ducati fez modificações no motor da linha Streetfighter para se adequar às propostas da Euro5, um conjunto de normas que visa diminuir a emissão de poluentes de veículos. 

Até agora, a V4 S era a versão mais completa do modelo. A única disponível em preto fosco. Além disso, entre os serviços eletrônicos que acompanham a motocicleta estão: controle de tração, ABS, freio-motor, slide e largada; quickshifter bidirecional; modos de pilotagem; anti-wheelie – sistema para reduzir o torque na roda traseira.


RELATED POST

INSTAGRAM
SAIBA MAIS SOBRE