Está chegando a hora: Confira lista dos pilotos da MotoGP 2022

 Está chegando a hora: Confira lista dos pilotos da MotoGP 2022

Competição tem previsão de início para março de 2022 e conta com 24 pilotos inscritos

O Moto GP de 2021 terminou no mês de novembro e, desde então, diversas especulações para o ano este ano surgiram.

Entre altos e baixos, a temporada de 2021 foi finalizada com o francês Fabio Quartararo como campeão pela Yamaha, além de terem acontecido momentos memoráveis.

A competição

O MotoGP está indo para sua 74ª edição e o campeonato de 2021 foi marcado por diversos momentos. O italiano Valentino Rossi, vencedor de 7 títulos Mundiais de Moto GP, marcou este ano com sua aposentadoria após 26 temporadas.

Por se tratar de um esporte considerado perigoso, o MotoGP já contou com acidentes e fatalidades. No ano de 2021, o piloto suiço Jason Dupasquier faleceu no hospital após sofrer um acidente nas classificatórias do GP da Itália.

As corridas de MotoGP começam com a menor categoria, a Moto3. Após o final da corrida e premiação, temos a categoria Moto2. Na sequência, no mesmo esquema que a primeira, temos então o MotoGP.

A idade mínima para os pilotos da competição é de 16 anos nas categorias de Moto3 e Moto2 e de 18 anos para a categoria de MotoGP. Além disso, a categoria de Moto3 tem idade máxima de 28 anos, enquanto nas outras duas a idade máxima é de 50 anos. 

A categoria de MotoGP permite até duas motos por piloto, enquanto as duas anteriores permitem somente uma.

Para 2022, o MotoGP deve contar com 21 etapas, com a introdução das etapas dos GPs da Indonésia e Finlândia e o GP de Portugal entrando como etapa fixa, além do retorno do GP da Argentina.

Os pilotos e equipes

Com a saída do aposentado Valentino Rossi e dos pilotos Danilo Petrucci e Iker Lecuona, o MotoGP de 2022 contará com novos pilotos em suas equipes.

Três novos pilotos vindo do Moto2 entrarão na competição: Remy Gardner, campeão, Raúl Fernández, vice-campeão e Marco Bezecchi. 

Gardner e Fernández continuarão competindo como dupla. Agora, não mais pela Red Bull Ajo KTM, e sim pela montadora Tech3 de MotoGP.

Além desses, o piloto Darryn Binder sobe do Moto3 diretamente para a categoria principal e o piloto Fabio Giannantonio ganha a titularidade.

O MotoGP de 2022 contará com 12 equipes e 24 pilotos, sendo eles 9 espanhóis, 2 franceses, 7 italianos, 2 australianos, 2 sul-africanos, um japonês e um português.

Aprilia

A Aprilia teve 2021 como um de seus anos de crescimento após 7 anos que voltou a competir no MotoGP.

Após um ano de brigas por pódios, a montadora retorna em 2022 com os pilotos espanhóis Aleix Espargaró e Maverick Viñales.

Ducati

Com Bagnaia como um dos protagonistas da temporada com sua primeira vitória e brigando pelo pódio, a Ducati fez uma boa temporada em 2021. 

A equipe contará em 2022 com o piloto australiano Jack Miller e o italiano Francesco Bagnaia, cotado como um dos grandes nomes concorrentes ao título de 2022.

Gresini Ducati

A Gresini anunciou para o ano de 2022 uma nova aliança com a Ducati e os pilotos italianos Enea Bastianini e Fabio di Giannantonio.

Honda e LCR Honda

A montadora vencedora da Fórmula 1 não se viu nos seus melhores dias com seus motores do MotoGP, com apenas 3 vitórias no ano de 2021.

A equipe retorna em 2022 com os pilotos espanhol Pol Espargaró, japonês Takaaki Nakagami e os espanhóis Márc e Álex Márquez.

KTM

Após uma boa temporada em 2020, onde fechou o campeonato à frente da Honda, a montadora KTM encerrou o ano de 2021 abaixo das expectativas.

Para 2022, a equipe conta com o piloto sul-africano Brad Binder e o piloto português Miguel Oliveira.

Pramac Ducati

Para o ano de 2022, a Pramac preencherá suas duas vagas de piloto novamente com o espanhol Jorge Martín e o francês Johann Zarco, que receberão as motos oficiais da montadora.

RNF Yamaha

A RNF, novo nome da equipe SRT, terá em sua equipe de 2022 o piloto italiano Andrea Dovizioso e o piloto sul-africano Darryn Binder, que dividirá as pistas com seu irmão na KTM, Brad Binder.

Suzuki

O ano de 2021 também não foi um dos melhores para a equipe, que passou longe de brigar por títulos.

Para 2022, a montadora conta com os pilotos espanhóis Álex Rins e Joan Mir.

Tech3 KTM

Contando com duas novidades, a Tech3 traz para 2022 o piloto australiano Remy Gardner e o piloto espanhol Raúl Fernández, respectivamente campeão e vice-campeão do Moto3 de 2021.

VR46 Ducati

A equipe do aposentado Valentino Rossi, em aliança com a Ducati e Avintia, entrou para o MotoGP no ano de 2021 e a novata contará com os pilotos italianos Marco Bezzechi e Luca Marini para a equipe em 2022.

Yamaha

A campeã de 2021 retorna aos GPs de 2022 com o campeão mundial francês Fabio Quartararo e o ítalo-brasileiro Franco Morbidelli.

O MotoGP de 2022 tem previsão de início para 6 de março, com sua primeira corrida sendo realizada no GP do Catar.

Compartilhe