Conheça a Wattman: a moto recordista que atingiu 455 km/h

 Conheça a Wattman: a moto recordista que atingiu 455 km/h

O feito é impressionante, mas não uma novidade; trata-se do 12º recorde mundial alcançado pela montadora francesa Voxan Motors.

Recentemente, a motocicleta Wattman, da Voxan Motors, conseguiu alcançar inacreditáveis 455 km/h. O feito ocorreu sob comando de um dos maiores pilotos da história da MotoGP, o italiano Max Biaggi, no Kennedy Space Center (Flórida/EUA). Temos, assim, um novo recorde mundial no universo das duas rodas.

O marco só foi atingido devido a consideráveis mudanças realizadas pela Voxan para aperfeiçoar a aerodinâmica. A montadora desenvolveu três conjuntos de latarias especialmente para a Wattman: uma versão naked, uma com a cauda estendida, e outra carenagem completa. 

Características da Wattman

Um novo braço oscilante mais alongado foi construído sob a carenagem, o que assegurou o grande aumento da distância entre eixos – de 107 mm para 1957 mm. Essa projeção era imprescindível para viabilizar um manuseio seguro da moto em alta velocidade. A fim de auxiliar a aerodinâmica e proporcionar um encosto mais plano, o assento foi elevado em 65 mm, potencializando a performance de Max Biaggi. 

Em relação à potência, a Wattman conta com incríveis 429 cv. O torque máximo, por sua vez, é mais potente do que os de caminhões montados para cargas pesadas, marcando espantosos 138,67 kgfm.

A bateria que alimenta o novo motor é aproximadamente 48 kg mais leve, se comparada à unidade antiga. Já os pneus Michelin têm parâmetros similares aos utilizados na MotoGP, sendo a melhor opção para lidar com a dinâmica da motocicleta.

O recorde atingido pela Wattman se encaixa na categoria “motocicleta elétrica parcialmente aerodinâmica abaixo de 300 kg”. Enquanto isso, a versão naked (não aerodinâmica, sem a carenagem) também entrou no desafio, a uma distância de 1 km desde a largada. 

Com os mesmos objetivos, segundo regulamentos da Federação Internacional de Motociclismo (FIM), ela quebrou outro recorde a 369,626 km/h, tornando-se a mais rápida “motocicleta elétrica não aerodinâmica abaixo de 300 kg”.

“Em menos de um ano, conseguimos reduzir o peso da motocicleta, aumentar sua potência e melhorar sua estabilidade”, destacou Gildo Pastor, presidente do Grupo Venturi, detentor da Voxan.

Compartilhe