Bastidores da volta: maior evento de motociclismo do país retorna a Interlagos

 Bastidores da volta: maior evento de motociclismo do país retorna a Interlagos

Evento ocorreu nos dias 26 a 28 de novembro e contou com shows, gastronomia e exibição de motos inéditas

No último final de semana de novembro, o Festival 2021, maior evento de motociclismo do Brasil tomou conta de São Paulo. Com duração de três dias, o único evento de motos ocorrido neste ano atraiu público de todo o país.

Realizado pela revista Duas Rodas, o festival trouxe novidades do mercado, apresentações especiais, shows e também motos, equipamentos e acessórios por preços diferenciados.

A programação do evento contou com apresentações de motocross freestyle da equipe de Fred Kyrillos e manobras do Força e Ação. Além disso, simuladores de velocidade e sorteios para andar de moto com o piloto Leandro Mello também foram destaques do final de semana.

As novidades do mercado

As principais marcas de motocicletas trouxeram para o Festival modelos de 2021 e 2022 para exibição e pilotagem do público. As fabricantes BMW, Kawasaki, Ducati, KTM, Triumph, Royal Enfield e Yamaha trouxeram diversas máquinas. Confira os destaques:

Kawasaki

A marca antecipou dois lançamentos de 2022 no festival: a Z900 Special Edition e a retrô Z650 RS, que desembarcaram no país antes de chegar às concessionárias.

A primeira conta com componentes especiais nas suspensões e freios e estreou mundialmente no início da semana, antes do festival. Ambas serão comercializadas no Brasil, ainda sem data definida.

Triumph

A Triumph exibiu a nova Trident 660, a aposta para ser a moto de entrada da marca, custando menos que a Street Twin. A roadster média conta com motor de três cilindros e 81cv de potência. 

KTM

A nova BigTrail KTM 890R, que chega importada ao Brasil no valor de R$139.900, também foi exibida. Seu motor mede 899cm³ e fornece potência de 105cv.

Ducati

A tão aguardada Streetfighter V4 finalmente foi apresentada ao público e pôde ser pilotada durante o final de semana por aqueles que adquiriram o Ride Pass.

Outras atrações

Além dos lançamentos expostos, o evento também sediou o maior test-ride do mundo nos 4.309 metros do Autódromo de Interlagos.

O Prêmio Moto do Ano 2022 também foi anunciado no evento, tendo a CBR 1000RR-R SP como ganhadora da principal categoria. Além disso, a programação também contou com atrações especiais e atraiu turistas de outros estados.

Na sexta-feira, o evento teve sua abertura às 13h e contou com a Festa Moto do Ano às 18h, com prêmios, surpresas e shows de rap e eletrônica ao público, encerrando às 21h.

Já no sábado, o festival teve seu início às 7h30 e contou com uma experiência gastronômica do grupo #IssoÉChurrasco das 13h às 18h, em 5h de open churrasco de carnes nobres. À noite, também houve uma apresentação especial da dupla Fernando & Sorocaba até às 21h.

No último dia, as exposições e test-rides foram os espetáculos do dia, que teve sua abertura às 7h30 e fim às 19h.

Os valores variavam de acordo com as atrações: o Street Pass, apenas para passear no evento, custava R$ 60 e valia para os três dias.

Já o Show Pass, que contava com o churrasco e o show do Fernando & Sorocaba no sábado custava R$ 250.

Agora, para pilotar as motos disponíveis no evento, era necessário desembolsar R$ 350, além de ter habilitação, 3 anos de experiência pilotando e os equipamentos necessários.

O evento já está programado para acontecer em 2022 novamente em Interlagos, mas ainda não há datas definidas.

Compartilhe